A VOCÊ PARALISIA CEREBRAL

Querida Paralisia Cerebral,acho que já posso te chamar assim, não é mesmo?! Afinal, já temos um tempo juntas, e se Deus permitir, teremos muito tempo pela frente (assim espero). E por isso, depois de tanto tempo andando lado a lado, já me sinto íntima e à vontade para dizer certas coisas, até então, entaladas em minha garganta e sufocando meu coração.

Preciso dizer que vc não me assusta mais como antes. Vc já foi um grande fantasma que assombrava minha vida. Mas não um fantasminha camarada. E sim daqueles que trazem sombra e escuridão. Hoje, enxergo luz. A mais radiante! Aquela que iluminou minha alma, direcionou meus caminhos, e me fez chegar bem longe!

Seu nome não é mais um pesar para mim. Algumas vezes, ao mencioná-lo, eu era capaz até mesmo de gaguejar. Pq me desculpe a sinceridade, “Paralisia Cerebral” não é um nome muito bonito, não é mesmo?! Remete a um cérebro paralisado, que sabemos que não condiz com a realidade. Mas hoje, posso falar com naturalidade e leveza. Sem tristeza.

Paralisia Cerebral, sei que vc nunca vem sozinha. No “combo” pode vir deficiência visual, auditiva, cognitiva, sensorial, convulsões entre outros males, assim como consequência, diversos problemas ortopédicos. Fomos sorteados com alguns desses ítens, mas não os temo mais. Nada como conhecer o inimigo de perto para eliminar medos e angústias. E como resiliência é palavra de ordem em nossas vidas, conseguimos controlar. 1 X 0 pra gente!

Vc já foi dominante, mandona, e até arrogante. Já teve seus momentos de fama sendo o foco da vida de minha família. Hoje, sinto lhe informar, vc não passa de uma mero coadjuvante. Para ser bem sincera, muitas vezes nem lembro que vc existe, tamanha sua insignificância. Muitas vezes vc é até piada nas rodas de conversa entre eu e minha família. Sorry!

Mas devo ser justa, e não ingrata. Gratidão é um dos sentimentos mais belos que podemos cultivar e ensino a minha filha, logo, devo dar exemplo. E por isso, reconheço o lado positivo. Quero lhe agradecer por todas as lições.

Obrigada!

O medo do déficit visual nos fez enxergar muito mais além dos olhos.

O sensorial, nos fez mais carinhosos, apegados, afetuosos.

As convulsões, nos trouxeram uma força que não sabíamos que poderia existir.

O cognitivo, nos fez descobrir uma forma de comunicação alternativa, que a medicina jamais compreenderá.

Os problemas ortopédicos ainda são assombrososainda mas sabemos que iremos superá-lo.

Por fim, quero dizer que te perdoo por todas as mazelas que vc trouxe. Por todo caos interno e externo.

Mas não quero que vc nos subestime mais. Já pulamos de etapa. Nossa relação estremecida, é passado. Minha FILHA não é vc. Vc é somente uma parte dela. E por isso, acho que podemos fazer as pazes. Viver juntas, no maior estilo “felizes para sempre”.

Que tal?!

Michelle Berbert Santos

Sigamos juntas, em frente.

Texto da Mari Hart

Foto by Ana Souza

Anúncios

2 comentários em “A VOCÊ PARALISIA CEREBRAL”

Nos conte sobre a sua experiência ela pode ajudar muitas pessoas.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s